Faça da sua casa um lar “Pet Friendly”


← Voltar ao blog

A nossa casa é um refúgio para todos os membros da família e os animais de companhia não são excepção.

Há umas décadas os cães viviam apenas no exterior das casas, em incómodas barracas, mas agora são bem-vindos no interior dos nossos lares, partilhamos o mesmo espaço e não faz sentido não incorporar as suas necessidades no “design” da nossa casa. Por isso temos de tornar a nossa casa um lar “pet friendly”.

Através dos olhos do nosso cão

Tente imaginar como o seu cão vê a casa. Há um lugar mais tranquilo? Há áreas de actividade? Ele derruba invariavelmente o candeeiro de pé? É melhor mudá-lo de sítio ou substituir a sua base por outra mais pesada. Conviver satisfatoriamente com um cão é educá-lo a respeitar certos objectos e zonas, mas também adaptar o nosso lar às suas necessidades.

Pavimento apropriado

Numa casa com animais o chão é a primeira e mais importante consideração. Estes passam muito tempo deitados no chão. Um pavimento fácil de limpar é essencial. Tenha em consideração que os cães podem deixar marcas das unhas nas madeiras menos duras.

Tapetes em casa

Os tapetes não são recomendados, pois são muito difíceis de manter limpos. Mas se é apaixonado por tapetes opte por um de fibra de coco, algas…fibras vegetais que se destacam pela sua resistência às manchas, são mais adequadas para alérgicos, pois retêm o pó. Como protecção do animal coloque tapetes antideslizantes nos pisos de linóleo ou laminado nas zonas como o corredor, onde é provável que o cão corra. Uma derrapagem acidental pode provocar uma lesão grave como uma ruptura de ligamentos cruzados.

Móveis à prova de animais

É aconselhável proteger os assentos dos cadeirões e sofás com almofadas de tecido lavável. Também se podem cobrir com uma manta ou coberta com um estilo informal agradável. Se tiver de mudar de sofá, a pele artificial é uma boa opção, é fácil de limpar e muito resistente às patas dos cães.

Cores e padrões

A cor é muito importante quando decoramos! Com cães de cor escura é melhor fugir de tecidos e móveis brancos, onde o seu pêlo será visível. Considere que os cães de pêlo curto perdem mais pêlo que os de pêlo comprido. Os padrões, nos tecidos, ajudam a esconder as manchas.

Onde arrumar as trelas e coleiras

Ter um espaço onde o cão pode ser limpo e seco antes de ter acesso ao resto da casa, num dia chuvoso, ajuda a manter todo o lar limpo.

Uma zona de alimentação

Mantenha os alimentos e comedouros do seu cão num lugar que não seja de passagem, longe do cheiro do balde do lixo. É bom colocar os comedouros sobre uma plataforma de acordo com a altura do cão, para que este não se magoe nas vértebras cervicais. Para cães de porte médio e grande os comedouros colocados directamente no chão podem ser prejudiciais. Eleve-os!